Quarto Makeover // Começando pelas cores e estilo de cabeceira

Foto destaque via gravityhome

Morar em apartamento alugado é uma barra e qualquer que seja a  mudança que você queira fazer em algum comodo, seja pintura e compra de móveis, deve ser tudo pensado e repensado mais de duas vezes. Isso porque você precisa levar em consideração que qualquer investimento ou adaptação deve ser algo que você possa mudar de lugar com facilidade. Isso dificulta e muito nossas escolhas na hora de repaginar um lugarzinho do apartamento.

Depois que me mudei, o meu quarto foi o comodo que menos recebeu atenção. Nele você encontra um guarda-roupa, um banco e uma cama… nada mais. E isso vem me incomodando muito faz um tempinho, afinal de contas, é o lugar em que passamos a maior parte do tempo e no fim de um duro dia de trabalho, é onde nos sentimos mais acolhidos. Quando falei para o meu marido sobre fazer pequenas mudanças no quarto de uma forma que não pesasse no bolso, ele riu. Realmente as coisas andam muito caras e nem se eu tivesse dinheiro pra gastar, pagaria R$600 numa cabeceira ou R$300 em um criado mudo, que no final das contas, posso enjoar de olhar no prazo de 1 ano ou menos. 

A primeira solução que encontrei foi investir em projetos DIY e cuidar mais de detalhes como escolha mais pensada da roupa de cama. Como pretendo ir aos poucos, vou começar pela cabeceira, móvel que consegue realmente dar vida a uma cama.

Pensei em duas alternativas diferentes para a cabeceira, pintar uma na parede ou usar madeira barata do tipo pinus ou compensado. A lata de tinta custa em torno de R$20, já o compensado 10 mm, aqui perto de casa vende por R$35 no tamanho 2,20×0,80, também teria que pagar alguém para cortar. Ainda estou na dúvida, mas acredito que vou em uma dessas duas opções.

Cabeceira utilizando compensado

cabeceiracompensado
Foto via inrichting-huis.com // Foto via @thedesignminimalist
cabeceiracompensado2
Foto via viemode.com // Foto via mybelovedstyle.com

Cabeceira utilizando tinta

cabeceiracompensado3-1
Foto via 79ideas.org // Foto via decor8blog.com
cabeceiratinta
Foto via apartmenttherapy por alexandraangle.com // Foto via homestyle

As cores da roupa de cama – Definindo um estilo

Acho legal a mistura de tons sóbrios como o cinza com detalhes geométricos e misturas em tons pastel. Muito do estilo que vai predominar no quarto vai ser imposto através do visual da roupa de cama. Como não rola usar nada muito girly por conta do maridon, a paleta de cores precisa ser um pouco mais masculina, e eu até gosto disso. Está muito difícil achar estampas legais que sejam “baratas”, assim como fugir do floral e do all white (o que definitivamente é impossível com a combinação cães+plantas em casa)… mas um dia eu chego lá, com muito garimpo e força de vontade.

roupadecamaazul
Foto via estemar // Foto de François Kong via karinecandicekong.com
roupadecamaestampageo
Foto via UO // Foto via UO
roupadecamatomterroso
Foto via UO // Foto via UO

palette572c968af03e3

E ai, o que acharam? Vou fazer um outro post no futuro falando sobre iluminação e itens decorativos, para depois postar o antes e depois do quarto assim que ele estiver pronto, espero conseguir fazer um pequeno milagre. Vejamos…
Até a próxima!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *